6.7.07


a lua tenta arrancar do horizonte,

vermelha e grávida de si própria

4 comentários:

yeah disse...

Tás vivo cabrão?

J disse...

man,quando é que há churrasco poético?

Anónimo disse...

wow,que frase tão profunda!

salomé disse...

e que tal encontrarmo-nos, mais ou menos como em olhos de água, mais ou menos à volta da mesa de snooker, mais ou menos a ver documentários sobre o cambodja, mais ou menos com aquela vontade de não te ouvir guinchar ao telefone.
se for assim, então calhava mais ou menos bem um encontro no meco, com a prima, e a amiga dela.
um abraço