11.12.05

explicação do fogo



a lareira arde na escuridão
espalha sombras pelo tecto
e suja as paredes com agitação,

já houve alturas
em que o fogo tinha uma alma
agora nele só há química,
ligações covalentes que se partem,
a energia que é liberada,
a fluidez gasosa das chamas
a termodinâmica da temperatura,
e a radiação que fica vermelhando

heraclito,
também pensava no fogo
e nesse seu pensar
existia um mundo em devir

prometeu,
como o amigável satã,
ama o fogo e o conhecimento
contra o fascismo de deus

cristo,
talvez fosse melhor cristo,
ter sido incenerado
escusávamos de ter hoje seitas
que adoram um cadáver

as cinzas,
devem ser inertes, minerais,
a parte mais inanimada
do fogo que se evapora

o fogo faz parte
do ciclo do carbono
do qual também nós fazemos parte)
e é essa
a sua última poesia

quando me sento em frente ao fogo
sento-me em frente de uma pessoa
que está como eu
nero em combustão

um sonho
com o cérebro combustível
(sonâmbulo incêndio)
um sonho desde
o núcleo do carbono
até ao fim do fumo

um sonho desses
é o que eu mais desejo

14 comentários:

rafael disse...

a imagem é um quadro do Anselm Kieffer, e chama-se "monumento ao artista desconhecido"

Anónimo disse...

precisas de foder

Anónimo disse...

capto vibrações do passado. você é a reencarnação de pierre dionis. o anatomista. você libera esse passado através de seu personagem fausto.
saudações fraternais.

me perdoe o anonimato. espero que compreenda.

v. disse...

é complicado quando alguém tem capacidades q outros gostariam de ter. é por isso que se fazem certos comentários. é deliciosamente bom vir à tua página e contemplar o que escreves rafael. beijinhos e até logo***

Anónimo disse...

V, você está se referindo a mim?
Todo o mundo é alguém reencarnado mas nem todo o mundo libera seu passado deste jeito maravilhoso. Veja, não estou negando o inegável talento de Rafael Dionisio, pelo contrário, estou reafirmando.

Saudações fraternais.

tiroliro disse...

cristo é do benfica
porque é "deus encarnado"

Cláudia disse...

O fogo é mesmo assim.
Envolve.
Enfeitiça. Agita. Aquece. Queima. Revolve.

Anónimo disse...

acho que não envolve nada! caralho! foge!

Anónimo disse...

pesquise. tudo lhe será confirmado. pierre dionis.

saudações fraternais.

Anónimo disse...

Pierre Dionis (1643?-1718), though not himself a very innovative surgeon, has been acclaimed as the author of a surgical textbook that opened a new era in which French surgical teaching dominated Europe. This dominance is reflected in the Gordon Craig Library, which contains four copies of the book by Dionis in English translation, as well as a number of other books by influential French 18th century surgical writers, notably Henri Francois Le Dran and Francois Quesnay. It is significant that many of these writers benefited from government patronage in various forms. Dionis himself began his career as demonstrator in anatomy and surgery at the Jardin du Roi, in his time the premier teaching institution in those sciences. He later became a court surgeon. During the course of the 18th century, French surgery gained ascendancy over French academic medicine and also on the inter-national stage. English surgery, likewise, made great progress. There was a very productive dialogue between medical scientists and teachers in both countries, assisted by textbooks in translation. The French Revolution demolished the medical and surgical institutions established under the old regime, but French surgery emerged from the rubble to play a great part in the birth of modern clinical medicine.

Anónimo disse...

Paz e amor fraternal para todo o mundo.

eu disse...

paz...muita paz

rafael disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Lia disse...

Gostei :):):):):):):):)
beijinhos Rafa :)